segunda-feira, 3 de junho de 2013

Ella Enchanted e Uma garota Encantada



"Aquela fada tola da Lucinda não pretendia lançar uma maldição sobre mim. Ela queria me dar um presente. Quando eu chorei inconsoladamente na minha primeira hora de vida minhas lágrimas lhe deram uma inspiração. Sacudindo a cabeça complacentemente junto à mamãe a fada tocou o meu nariz. 
'Meu presente é obediência. Ella será sempre obediente. Agora pare de chorar, criança'
E eu parei."

Assim começa o livro Ella Enchanted. Em português o título é "Ella Enfeitiçada".

É uma história sobre uma menina que recebeu da sua fada madrinha o dom da obediência (como já foi citado à cima) e que por conta disso jamais poderia deixar de cumprir uma ordem. Isso faz com que ela se envolva em uma série de situações complicadas ou constrangedoras. A princípio as únicas pessoas que sabem da maldição é a sua mãe e Mandy, uma fada que cuida da casa e da família de Ella. É preciso que a maldição seja desfeita, mas ninguém consegue fazê-lo se não a própria Lucinda e Ella tem como missão encontrá-la.

A história é repleta de elementos fantásticos como fadas, ogros e elfos; e tem toda a inspiração nos contos de fadas clássicos com direito a príncipe encantado e madrasta malvada. É uma história doce e mágica,e que me fez ver a obediência de uma maneira que eu nunca havia pensado antes, penso que porque eu nunca havia imaginado uma situação de obediência tão extrema. 

Ella é uma personagem encantadoramente doce e altruísta, a típica personagem exemplo de contos de fadas. Algumas pessoas acham isso muito clichê, mas esse tipo de personagem me agrada muito porque me inspira. As personagens "boazinhas" também podem ter personalidades marcantes. Eu sempre fui admiradora das princesas e não das vilãs.

Para quem quiser adquirir o livro:

Há uma versão em português pela editora Rocco (conferir aqui)
E o e-book no idioma original no site da kobo (aqui). - Esse segundo foi o que eu li. Eu sempre recomendo que, se possível, leia uma obra no seu idioma original pois quando é feita uma tradução perde-se um pouco da essência.




Logo que eu terminei de ler o livro descobri que havia o filme lançado em 2004. Em inglês o filme leva o mesmo título do livro e em português foi traduzido como "Uma garota encantada". A princípio eu fiquei bastante entusiasmada para assistir, principalmente por ser com a Anne Hathaway, porém fiquei decepcionada com o filme. Foi simplesmente uma das piores adaptações de livro que eu já vi na minha vida! Tentaram colocar elementos modernos e transformá-lo numa comédia romântica pré-adolescente bem clichê; tirando toda a magia e encanto da história. 

Quis assistir o filme antes de fazer a recomendação do livro para que eu pudesse escrever sobre os dois juntos e eu fiquei um pouco triste porque eu tive que fazer a minha primeira review negativa de filme e eu sempre tento colocar apenas coisas positivas por aqui, mas eu decidi ser bem honesta em relação a isso.  

Recomendo o livro não o filme.


3 comentários:

  1. Quero ler também! Adoro essas histórias de príncipes e princesas!

    beijos!
    ps: tá rolando sorteio no meu blog e te convido a participar!
    http://misssainha.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Luana,
    Eu adoro esses filminhos bobinhos de adolescente (para a tristeza do meu marido) e fiquei com vontade de ver esse, mesmo você não tendo gostado muito...
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Que pena que a adaptação do filme não seguiu a linha original da história, que parece ser ótima.
    É hollywood faz dessas, uma pena.
    Bjus

    Rafa
    Rafaelando.com

    ResponderExcluir

O que você pensa a respeito? A sua opinião é muito importante!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...