Sobre mim

Minha foto
Uma dama que aprecia arte em todas as suas formas. Repleta de sonhos, imaginação e poesia.

AF&LBN

AF&LBN

Marcadores

Eu recomendo:

Arquivo do blog

Facebook

quinta-feira, 4 de junho de 2015

The Sims e a vida na era da cibercultura





            Esse foi o tema de um trabalho que fizemos na disciplina de Estudos de Cultura, num módulo especial dentro dessa disiciplina chamado Semiótica da Cultura. Minha pesquisa é sobre uma obra de literatura sul-africana e eu tenho uma abordagem cultural e nunca imaginei que algum dia no mestrado faria um trabalho sobre jogos eletrônicos. Como estavamos estudando cibercultura tivemos de fazer esse trabalho escolhendo entre aplicativos de celular ou jogos eletrônicos e quando eu li as referências teóricas que deveríamos trabalhar o primeiro jogo que me veio à mente foi The Sims.
            Quando eu me reuni com o meu grupo e propus a ideia todos concordaram e surgiram diversas ideias do que poderiamos fazer no trabalho, uma das propostas foi de fazer o questionário, mas acabamos fazendo apenas alguns dias antes da apresentação e nós achamos que não conseguiríamos nem dez pessoas para responder, mas todo mundo se mostrou muito interessando em responder o questionário e contribuir para o nosso trabalho, especialmente pelo fato do jogo ser bastante popular e conseguimos um bom número de entrevistados para o nosso trabalho e alguns com respostas bem interessantes.
            Trabalhamos com os conceitos de primeira e segunda realidade em The Sims e a interação que há no jogo. O jogo é chamdo de simulador de vida e apresenta uma simulação de uma rotina diária onde o jogador precisa seguir uma rotina diária e atender às necessidades do seu personagem, se relacionar... Enfim, o jogador vive no jogo uma outra vida jogo, onde expressa sus indentidade ou sua vontade e experimenta uma série de possibilidades. Queríamos comparar a relação entre a vida real e o jogo The Sims. Além da vivência no jogo mencionamos a precisão na construção das residência, que algumas vezes foi utilizada por profissionais de arquitetura e design como ferramenta de trabalho.
            Eu fiquei tão empolgada com o trabalho que tive de vontade de escrever uma artigo científico sobre isso futuramente e publicar em alguma revista ou participar de algum evento, enfocando a questão da segunda realidade e do imaginário, uma vez que o jogo contrói uma história e uma narrativa e que possibilita essa interação que nenhum outro recurso é capaz de fornecer, criando essa segunda realidade. 



Para finalizar eu gostaria de mostrar algumas respostas que eu adorei do questionário que foi feito para o trabalho:

Você traz algo do jogo para sua vida e suas relações pessoais? O quê?
“As vezes reflito sobre a facilidade com que os Sims desculpam uns aos outros, ou mesmo fazem novas amizades e amores. Acabei de refletir aí em cima sobre a questão da onipotencia também. Supondo a existencia do divino, talvez a existencia de opositores se justifique pela chatice que é tudo acontecer exatamente como você ordena.”

E das suas relações pessoais para o jogo?

“Sempre que fico com muita raiva de alguém ou término um relacionamento amoroso, crio essa pessoa no jogo e tranco ela em um quarto de quatro paredes ou coloco na piscina e tiro a escada. E bem eficiente” (Sério, isso foi hilário!!! Huahuahuahau)

O quanto o seu personagem se assemelha a você em aparência, personalidade e aspirações?

“Em aparência, diria que sou eu um pouco melhorado, com roupas mais estilosas e cabelo penteado (risos). Em personalidade talvez ele seja mais sociável e menos medroso. Em aspirações ele sabe o que quer, eu não.”
“Em tudo. É um "simself": temos mesmo nome, aparência semelhante, ele trabalha na carreira de médico ao passo em que estou me graduando em medicina e é casado com o "simself" da pessoa com quem namoro há 4 anos.” (Adorei o “simself”)

3 pérolas:

AMEIII!! ♥
Parabéns pelo trabalho, foi um prazer responder as perguntas *-*
E a resposta “Sempre que fico com muita raiva de alguém ou término um relacionamento amoroso, crio essa pessoa no jogo e tranco ela em um quarto de quatro paredes ou coloco na piscina e tiro a escada. E bem eficiente” - FOI A MELHOR DO MUNDO HUUSHAUHSUHAUHSUHASUHAUHS 8D

Muito interessante fazer o trabalho com ensejo no
the sims , minha filha jogava, até falou para mim fazer
mas não tenho tempo, e que bom que muitos se disporam a
contribuir com seu trabalho de pesquisa.
bjs

http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

QUe divertido de ler :). Parabéns pelo trabalho. Realmente é incrível como as pessoas tenta melhorar a vida delas ao máximo no the sims. Amo esse jogo. E a resposta de botar na piscina e tirar a escada foi épico

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livro

Livro
Para quem deseja adquirir o livro "As donzelas e as sombras" de Luana Madrepérola, também autora do blog Doce Madrepérola. Clique na imagem.

Seguidores

Postagens populares

Heart it

Instagram